Cidades Cone Sul Policial Rondônia

Caso ‘Jéssica’: Acusados de matar adolescente em ‘teste de fidelidade’ têm data de júri marcada em RO

A data do júri popular dos acusados de matarem a jovem Jéssica Moreira Hernades, de 17 anos, em Cerejeiras (RO), na região do Cone Sul, foi marcada para 22 de agosto. O dia foi divulgado pela 2ª Vara Criminal do município, e a sessão está prevista para iniciar 8h30.

Além de marcar a data do júri, a Justiça também autorizou a produção de provas em plenário no dia da sessão. No fim de maio, os réus foram intimados para listar testemunhas de defesa. Segundo os advogados, cada uma das partes apresentou cinco testemunhas.

O caso

Ismael José da Silva, o ex-namorado da vítima, e Diego de Sá Parente, primo de Ismael, são acusados de matarem a jovem com 13 facadas em abril de 2017, em um suposto ‘teste de fidelidade’.

Na época, Diego teria dito que Ismael matou a namorada por desconfiar de uma traição, e afirmou que foi ameaçado para ajudar a esconder o corpo. A defesa de Ismael nega e culpa Diego pela morte da vítima.

Ismael chegou a ser absolvido em primeiro instância, mas o Ministério Público Estadual (MPE) entrou com recurso e o Tribunal de Justiça de Rondônia (TJ-RO) reformou a decisão da 2ª Vara Criminal de Cerejeiras, determinando que o Ismael fosse levado a júri, juntamento com Diego.

Radio Planalto FM is Stephen Fry proof thanks to caching by WP Super Cache